30 de jul de 2008

Amar pra quê?

Amar, amar pra quê? Você ama ou faz negócios?
Onde está o amor? Será que ele existe?
Ou a que horas ele se foi? E na hora "H"?
Você lida com sentimentos ou lida com pessoas?
Platônico ou aberto? Qual é o seu estilo?

Versos poéticos apenas formam uma beleza
Entenda com sentimentos verdadeiros
Acredite, ele existe, ele não é contrato
Não há limitações quando se ama, tudo é claro

Amar, amar pra quê? Você ama ou faz negócios?
Você entra na onda? Ou manipula?
Compartilhado ou imperado? Você ama?
Você vê com lógica ou enxerga com liberdade?
Perto ou longe? A distância é intocável?

Bola de cristal não presta e feitiços só trazem infelicidades
Amar um corpo é apenas um amor tolo
Não se trata de um relacionamento de recompensas
fronteiras são obstáculos e não impossíbilidades

Amar, amar pra quê? Você ama ou faz negócios?
Apenas um beijo serve? Ou status faz parte?
Rômantico ou ciumento? Você achar que é amor?
Aqui e agora ou depois o entendimento é melhor?
Você realmente ama? Ou hoje é perda de tempo?

Yuri Thomazelli

29 de jul de 2008

É esse mesmo o fim...?




Não adianta mais querer segurar essa brisa
A leve pluma da manhã que sempre vai
Os pássaros até podem acompanhá-la
Mas não a terão... E assim se foi...

Não consigo parar de sonhar
Eu vôo com os pássaros, seguindo
Impossível ou não eu só queria amar
Por essa brisa, poderia voar até o infinito


Por mais que eu tenha tentado alcançar
Mais tarde notei uma rosa vermelha
Era soprada e a acompanhava levemente
Poderia continuar, mas jamais seria uma rosa

Hoje, uma chuva de rosas brancas cai
Aqui pouso sozinho e não acompanharei mais
Rosas brancas em um sinal de paz
Nunca mais sentirei a brisa daquela manhã

Rosas que caem hoje, logo murcharão e morrerão
Porém meu pedido de paz continuará
Perto ou longe por mim jamais morrerá
...
Querendo ou não continuará no meu coração

Yuri Thomazelli

12 de jul de 2008

Recomeço

Ontem o Sol amanheceu quadrado
As flores no jardim eram todas de plástico, sem vida
As pessoas estavam etranhas, pois suas faces estavam apagadas
Os cantos dos pássaros eram apenas gravações instaladas nas árvores
Os animais todos robotizados, para todos usarem como bem entendessem
À noite, lá fora a Lua era uma grande lâmpada redonda, sem apreciação
O dia foi assim porque alguém achou que tivesse perdido seu amor

Hoje, parecia que seria a mesma coisa
Mas esse mesmo alguém foi além, mesmo que tivesse obstáculos pequenos ou grandes mudou o dia
O sol começou a raiar... As nuvens foram saindo... E assim o Sol tomou a sua forma e iluminou a todos.
Conforme regava as flores, as mesmas ganharam seus tons coloridos e seus perfumes agradáveis contagiaram o ar
Com seu simples sorriso, as faces das pessoas iam se moldando num tom alegre
Com seu assovio, os pássaros existiram e com seus verdadeiros cantos uma música alegre se iniciava
Com sua felicidade, os animais tiveram suas vidas e passaram a nos alegrar ainda mais
O dia foi feliz
À noite, quando nos encontramos novamente, a Lua estava de volta com seu romantismo
No céu infinito, duas estrelas brilharam instensamente... A minha e a sua...

Yuri Thomazelli

11 de jul de 2008

E tudo se foi...

Tudo parecia tão certo no começo
Cada instante parecia tão belo
No dia-a-dia tudo era tão inédito

Os dias me fizeram sentir feliz
Uma nova vida parecia estar batendo à porta
Pensei que nunca fosse chegar

Pelo simples fato de sonhar
Eu sei, às vezes eu me cego
O que aconteceu, talvez não devesse ser assim

Deixei a situação correr
Quando menos esperava
Tudo começou a ficar nítido

Penso que nada foi simulado
Acredito que nada foi por acaso
Digo que... Você sabe...

Não é por aparência que estou assim
Aliás, não sou disso
O que sinto não é produto do capitalismo

Talvez isso pareça algo doentio
Apenas saiba que não
Diga quantas vezes quiser, grite

Talvez não seja do seu agrado
Queria um rumo melhor para nós
Mas sinto-me tão distante

Conversa veio, conversa foi
Parece que meu filme agora já era
Só espero ter restado pra essa foto

Yuri Thomazelli

Separate Ways

Don't forget me
Hey, don't leave me
Try understand me

It'is complicated way
Hey, don't run away
Try understand my way

I can't believe we have a...
Separate ways
Separate ways
I can't

You live far away
I'll go to far way
But I believed in us in the same way

I can't believe we have a...
Separate ways
Separate ways
I can't

So, you don't love me
But why do you loved me
Please don't hate me

I love you so much
But you answer is like a punch
Please don't me crunch

Yuri Thomazelli

10 de jul de 2008

Já Era...

Um dia que acordou torto
Um dia que tudo que fiz foi errado
Um dia que me fez sentir morto
Um dia que eu gostaria de te apagado

O que está havendo? Será que eu não valho nada?
O que eu pergunto soa como piada?
Essa é a nova tradução de preocupação?
O que sinto não é em vão, muito menos uma sensação
O que sinto vem do coração e é muito mais que uma paixão

Ao invés de bom dia, um péssimo dia
Problema na frente das alegrias
A cada dia o mesmo dilema

Por todo esse tempo, desculpe ter te magoado
Afinal, nossos caminhos são separados
Por uma distância que não tem fim
Não sinto fome, dor e nem esperança, apenas frio
Um calor que por hoje e nem por amanhã terá volta
Só espero que a quem aquecer, saiba dar valor àquilo que pelo visto um dia passei longe

Yuri Thomazelli

9 de jul de 2008

Manual de como gostar de/ amar alguém

1º-- Conhecer alguém, tem que ser num ambiente bem apropriado; específico pra primeira impressão ficar ótima. Jogar um charme no começo sempre ajuda, seja daquele bem criativo, enaltecimento também serve, mas não abuse muito.
--Parágrafo 1.2-- Se vocês se conheceram no Orkut ou em algum outro chat e são da mesma cidade tudo bem sem problemas. É normal que idealizem as pessoas, mas na hora "H" todos se conformam e tentam achar algo mais interessante.
Se você for bem do dinheiro, pontos a favor!
--Parágrafo 1.2.1-- Se vocês se conheceram no Okut ou em algum outro chat, mas são de cidades diferente e principalmente distantes, cuidado! É bom não levar muito a sério, afinal distância é um dos fatores cruciais para determinar se você gosta de alguém, sim, pois quem de quem a gente gosta tem de estar "ao nosso lado". Isso serve principalmente se o 1º procedimento não saiu de acordo com as expectativas.
--Parágrafo 1.2.2-- Se vocês se conheceram no Okut ou em algum outro chat, mas são de cidades diferente e principalmente distantes e se o 1º procedimento saiu de acordo com as expectativas então é caminho livre.

2º-- Com certeza o passo anterior foi muito bem e agora vocês já trocaram e-mails, telefones... Endereços de modo geral. O assunto de primeira mão talvez já tenha acabado e fiquem sem conversar... Apesar de parecem que já se conhecem a tempo,mas pra não quebrar o encanto podem também puxar algum assunto antes daqueles "do fundo do baú" até antes de se despedirem, já que um longo tempo se passará.

3º-- Despedindo-se, ainda como amigos... Mas com um certo encanto no ar, é interessante que marquem um outro programa bem interessante até pra não cair numa rotina do MSN apenas.
4º No MSN, bom aqui pode ser uma das partes que vocês podem se expressar com algumas frases, músicas e fotos. A linguagem é livre!
Sempre com aqueles emoticons que sorriem de orelha à orelha pra sempre ficar um clima legal, e nunca deixar no vácuo o parceiro, porque pode parecer que o encanto se desfez. Aproveitando, usar o email também é uma ótima alternativa de mostrar o quanto gosta afinal essa é uma das provas mais importantes... Mandar correntes, mensagens apaixonante sempre será muito bem vinda, se não não tem muitos amigos tudo bem, a Internet está cheio de sites com mensagens. Sempre contem as novidades, mesmo que não tenham nada de interessante pra contar tudo bem, apenas contar que foi à padaria pode servir nessa hora. Viu? Tem algo de novo sim.
...

Desculpem, mas não vou continuar com essa porcaria.
Esqueçam essa merda!
Porque pra amar alguém não tem bosta de regra nenhuma pra ser seguida...
Ou você gosta ou não... Apesar de gostarmos de sonhar... O ideal é diferente do real, então que prevaleça a verdade... Porque você ama uma figura/máscara, ou alguém de carne, osso e alma?
Perfeição numa relação amorosa não existe, cor, beleza, crença, distância, gostos, rico, pobre, profissão, sozinho, popular, se vai ver hoje ou daqui a anos... Entre outros mais... Exploda-se! O que vale é amar... Do fundo da alma!


VLW!

Yuri Thomazelli

7 de jul de 2008

Dom Quixote - Engenheiros do Hawaii

Composição: Humberto Gessinger, Paulo Gauvão

Muito prazer, meu nome é otário
Vindo de outros tempos mas sempre no horário
peixe fora d'água, borboletas no aquário
Muito prazer, meu nome é otário
na ponta dos cascos e fora do páreo
puro sangue, puxando carroça

Um prazer cada vez mais raro
aerodinâmica num tanque de guerra,
vaidades que a terra um dia há de comer.
"Ás" de Espadas fora do baralho
grandes negócios, pequeno empresário.

Muito prazer me chamam de otário
por amor às causas perdidas.

Tudo bem, até pode serque os dragões sejam moinhos de vento


Tudo bem, seja o que for
seja por amor às causas perdidas
Por amor às causas perdidas


tudo bem...até pode ser
Que os dragões sejam moinhos de vento


muito prazer...ao seu dispor
Se for por amor às causas perdidas
por amor às causas perdidas




6 de jul de 2008

Start...




1, 2, 3, testando... ¬¬"
Versão beta...? Talvez, se eu não for pra concorrência
(/// spaces) XD... ¬¬"
...
Pois é... parece que esse vai ser o blog...
Será que vingará? "I hope (...)"

Pois bem... Veremos...
Será como o mar...
Com dias de tempestades ou de calmarias...
Águas quentes ou congelantes...
Solitário... ou... Alguma compahia...
Mas de todas as adversidades possíveis, será possível comentar :)

É isso aí...
VLW!

Yuri Thomazelli