29 de mar de 2011

Leaves


Leaves come
falling down
the wind whistles
the funeral march
burying the future
each day

The road
and the faith
this last has fell
to the wayside
I can't get see
to where I go

A long breath
until sleep
This day could do
my eyes dim forever
I walk to anywhere
but everything is tight

Sometimes I have
doubts about mercy
if is it from God
or from Devil?
Waiting for death
or escaping from it

I am carrying the past
the little I have
came from there
The time today
doesn’t like no one
I feel it in your smile

The hole of my soul
it’s an impossible puzzle piece
Reason of life
I feel so sorry

Leaves will continue
falling down
and the wind whistling
the funeral march
burying the future
each day

Yuri Thomazelli


Tradução

As folhas vêm
caindo
o vento assobia
a marcha fúnebre
enterrando o futuro
a cada dia

A estrada
e a fé
esta última caiu
para o esquecimento
Eu não consigo ver
para aonde eu vou

Um longo suspiro
até dormir
Este dia poderia fazer
meus olhos escurecerem para sempre
Eu ando em qualquer lugar
mas tudo é apertado

Às vezes eu tenho
dúvidas sobre a misericórdia
se é de Deus
ou se é do diabo?
Esperando pela morte
ou fugindo dela

Eu estou carregando o passado
o pouco que tenho
veio de lá
O tempo hoje
não gosta de ninguém
Eu sinto isso no seu sorriso

O buraco da minha alma
É uma peça de um quebra-cabeça impossível
Razão da vida
Eu sinto muito

As folhas vão continuar
caindo
e o vento assobiando
a marcha fúnebre
enterrando o futuro
a cada dia

Yuri Thomazelli


26 de mar de 2011

Destiny


Something new in my way
I can't get give explanations
only I can bring it to reality

Only me

Hard to believe
I see dreams flying
around me
only I can catch up it

Showing and listening
To think the blindness
and deafness
only I will can overcome

The destiny is
inside me
inside me
Only Me
Here or there
Europe, Africa,
Asia, Middle Eastern,
America or Oceania
Only me
Inside me
inside me
Only me

Destiny
I am here...

Yuri Thomazelli



Tradução

Alguma coisa nova está no meu caminho
Eu não consigo dar explicações
Somente eu posso trazer para a realidade

Somente eu

Difícil para acreditar
Eu vejo sonhos voando
ao meu redor
Somente eu posso alcançá-lo

Mostrando ou escutando
em pensar que a cegueira
e a surdez
Somente eu poderei superar

O destino está
dentro de mim
dentro de mim
Somente eu
Aqui ou lá
Europa, África,
Ásia, Oriente Médio,
América ou Oceania
Somente eu
dentro de mim
dentro de mim

Destino
Eu estou aqui

Yuri Thomazelli

16 de mar de 2011

Sem lenços brancos


Sem lenços brancos
Sem tristezas
Sem alegria

Hoje chovia por mim
Hoje sorriam por mim
Hoje se despediram por mim

Na volta pra casa
eu sentia falta
Eu não me despedi
eu ainda sentia falta

Eu não esqueci
ainda está aqui
dentro de mim

Adeus
é pra nunca mais
Até mais
ainda é muito tempo assim

Detesto
Sempre detestei
Vou continuar conjugando
Detestar

Na volta pra casa
eu sentia falta
Eu me despedi
e ainda sentia falta

Eu não esqueci
não está aqui
e sim dentro de mim

Adeus
é pra nunca mais
Até mais
ainda é muito tempo assim

Detesto
Sempre detestei
Vou continuar conjugando
Detestar

Na volta pra casa
eu sentia falta
Eu me despedi
e ainda sentia falta

Eu não esqueci
não está aqui
e sim dentro de mim

Não faz tanto tempo
ou faz um tanto sim
Detesto me despedir

Na volta pra casa
eu sentia falta
Eu não me despedi
eu sentia falta

Eu não esqueci
vai estar aqui
dentro de mim

Yuri Thomazelli

13 de mar de 2011

00:00


O mundo girou hoje
pra direita ou pra esquerda
o passo sentido foi avante
página nova da vida aberta

Se sente de olhos fechados
ou abertos mas não se vê
Os dias formam as palavras
que traduzirão a nossa história

Passado, presente e futuro
tão distantes e juntos
Do céu, de uma flor ou
de uma simples esperança
Ciclos se renovam

Realidade
um deus complexo
para ser resumido

Zero hora

o dia apenas começou
o melhor está vindo

Yuri Thomazelli

7 de mar de 2011

Dia Internacional da Mulher



Dia 8 de março...


Dia Internacional das Mulheres....


...a todas que batalham de verdade por 365 dias ao ano...


Parabéns












Yuri Thomazelli

6 de mar de 2011

Addio


Addio
È stato un piacere
ma adesso è ora di
andare via

Addio
Il sole arriverà ancora
non più vicino da te
Sarà sempre un bel ricordo

Addio
La vita cambia
per volte un po’ triste
però nuovamente possiamo sorridere

Addio
Per tutti questi sbagli
Io vi chiedo perdono
non sono stato perfetto

Addio
Un nuovo inizio, è già
stato iniziato
Sia benvenuto a domani

Semplicemente addio
Guarda l’orizzonte
La difficoltà sparisce
quando nuove speranze
arrivano
Gloria, oggi è giorno
di addio

(Lyrics: Yuri Thomazelli)
(Foto:Panoramio - steve111)



Tradução

Adeus

Adeus
Foi um prazer
mas agora é hora de
ir embora

Adeus
O sol vai voltar ainda
Não mais perto de você
Será sempre uma bela recordação

Adeus
A vida muda
por vezes um pouco "triste
Mas podemos voltar a sorrir

Adeus
Por todos esses erros
Peço perdão
Eu não fui perfeito

Adeus
Um novo começo, já
foi iniciado
Seja bem-vindo ao amanhã

Simplesmente adeus
Veja o horizonte
A dificuldade desaparece
quando novas esperanças
chegam
Glória, hoje é dia
de adeus

Yuri Thomazelli

2 de mar de 2011

Inverno


O céu hoje está tão triste
neva sem parar e os
pássaros estão em silêncio
Lá fora o vento assovia frio

Tempos difíceis chegam
espantando todos do caminho
as portas estão fechadas e
não há motivo para brindar

O sino e suas badaladas
quebram o silêncio da tarde
alguém partiu só com passagem de ida
a melancolia apenas continua

As luzes se acendem
mas lá não há ninguém
As sombras das árvores
trazem o medo a quem vive só

A noite tomou a luz do dia
lua e estrelas estão enterradas no céu
O frio, o silêncio e o vazio
A beleza por sua vez foi obscura

Longos meses com seus dias eternos
Longos meses com seus dias eternos
Inverno... Inverno...
Longos meses com seus dias eternos

Yuri Thomazelli



Dessa vez eu fiz diferente, eu deixei aqui a música que me deu tal inspiração pra escrever, já que não eu consegui colocar como música de fundo. Eu não levei em consideração a letra, mas a melodia.

1 de mar de 2011

Anjo da morte

A minha fera está livre
e não há calibre que pare
porque já não estou mais aqui

Você tentou me despachar para o inferno
Eles queimavam ao me verem
e me deram um perdão

Agora estou vindo te buscar
pra sua nova casa
porque você é o meu perdão

O fim da linha está perto
as cartas foram trocadas de lugar
mas não mudaram o rumo

Meu destino que
você pensou ter destruído
Só está começando

Venha aqui
Engolir seu próprio veneno
amargo pra você, doce pra mim

Esconda-se em qualquer lugar
ou corra para aonde for
mas eu vou te encontrar
Se acordar morto
não diga que eu não avisei

Yuri Thomazelli